Procura por compra de imóveis em Bauru cai, mas locação se mantêm firme

Procura por compra de imóveis em Bauru cai, mas locação se mantêm firme

Por Natália Dário

Basta olhar pelas ruas da cidade de Bauru para perceber a quantidade de imóveis disponíveis para compra e locação. Porém, a demanda nem sempre segue um padrão, acarretando em um aumento ou diminuição da oferta.

“Para a locação está dentro do esperado. Em relação à venda, houve uma diminuição da procura, isso em todo mercado”, explica Dionis Maikon, responsável pelo departamento de marketing da imobiliária Residem.

Um dos motivos para a grande procura por locações está no número de estudantes universitários residentes na cidade. “Geralmente no começo de ano temos uma grande procura de estudantes por imóveis para locação. De janeiro a março, a demanda é bem intensa”, explica Dionis.

DSC04099

Avenida Nações Unidas em Bauru (Foto: Augusto Junior)

O professor da UNESP de Araraquara José Murari Bovo realizou um estudo sobre a contribuição da universidade para a economia das cidades onde seus campus estão instalados. Bovo chegou à conclusão que a universidade contribui de forma significativa para o dinamismo econômico.

Marcos Cardinalli é estudante de jornalismo da UNESP e alugou recentemente uma casa para montar uma república. “Imóvel em Bauru tem bastante, mas nas regiões universitárias são muito caros.” Marcos complementa dizendo ser difícil para um estudante alugar um imóvel, pois, há muitas imobiliárias e proprietários que não aceitam repúblicas, apesar de haver imóveis disponíveis.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s