O cenário independente do “Faça você mesmo”

Montar um negócio próprio é uma alternativa criativa para ganhar dinheiro e fazer o que gosta

Por Maitê Borges

Do It Yourself (DIY) ou Faça Você Mesmo são expressões usadas para definir qualquer atividade realizada pela própria pessoa de forma independente.

O conceito surgiu nos anos 1950, no cenário pós-segunda guerra mundial. As pessoas começaram a improvisar e fazer pequenas obras dentro de casa, devido ao aumento do preço da mão de obra.

No fim da década de 1970, o Faça Você Mesmo estava associado a movimentos anti-consumismo, os quais criticavam a compra compulsiva. O princípio do Faça Você Mesmo estimula o espírito empreendedor e criativo, questionando o monopólio de técnicas tradicionais usadas por especialistas. A ideia diz respeito a qualquer pessoa pode aprender a realizar projetos além do que pensa ser capaz. Basta olhar ao redor para descobrir várias pessoas envolvidas com a filosofia do DIY.

 Comida

 O Delícias de Maria é um exemplo desse tipo de empreendimento, comericalizando bolos, naked cakes e cupcakes de sabores diversos, incluindo alguns especiais como o de negresco e o de paçoca e banana com aveia. Michele Matos, uma das idealizadoras do projeto, conta que a ideia surgiu da necessidade de conseguir dinheiro com um hobby já praticado na república onde mora.

Cupcake do "Delícias de Maria": um dos doces mais vendidos

Cupcake do “Delícias de Maria”: um dos doces mais vendidos

 

A repercussão, no entanto, superou as expectativas. “Para divulgar o nosso novo negócio, fizemos uma página no Facebook. Em uma semana já tínhamos mais de 100 curtidas. Nós ficamos surpresos. Começamos vendendo para amigos próximos e, em pouco tempo, já estávamos recebendo encomendas de pessoas de fora do nosso círculo de amizades”, diz.

Para Michele, as maiores vantagens de fazer um negócio próprio é não ter chefes, poder trabalhar em casa e em horário flexível. “Além disso, você trabalha com algo prazeroso e, no final das contas, ganha uma graninha”, completa.

 Arte

 Ao caminhar pela praça Rui Barbosa, no centro de Bauru, é possível encontrar diversos artesãos. Um deles é Ivan Marcondes. Ele aprendeu com a mãe a confeccionar colares, pulseiras, brincos de diversos materiais. Ivan está nesse meio há tanto tempo e  já nem se lembra quando começou. “Estou nesse meio a vida toda, desde sempre. Já viajei muito, falta pouca coisa pra conhecer o Brasil o todo”, relata.

Apesar de conseguir se sustentar com as vendas dos artesanatos, Ivan sente falta das pessoas valorizarem trabalhos não-convencionais por parte.

Ivan Marcondes: Da tradição de família ao ganha pão

Ivan Marcondes: Da tradição de família ao ganha pão

Ainda no centro, na Rua Cussy Junior, se encontra o Extinção, um empório especializado em vinis, vestuário, arte alternativa, zines e cinema livre. Aran Carriel decidiu começar o projeto em 2003, com a intenção de trabalhar pra si mesmo.

Segundo ele, o público gosta bastante porque não há outros locais centrais especializados em LPs e contracultura em Bauru. Além disso, as atividades desenvolvidas como oficinas, festas e cineclube semanal chamam a atenção.

Na loja Extinção, os clientes tem direito até a bolo e café

Na loja Extinção, os clientes tem direito até a bolo e café

Aran tem outro projeto independente: a banda experimental Autoboneco, há 21 anos em atividade. Para ele, a maior vantagem de trabalhar para si é ser responsável pelos erros e acertos, cuidar do próprio tempo e a felicidade em fazer o que gosta. “Conheço poucas e pessoas que também compartilham desse espírito e dessa ação, e as parcerias eventuais também ajudam muito dentro e fora de Bauru, tudo por um objetivo de empatia e boa rotina, completa.

Anúncios

Uma resposta para “O cenário independente do “Faça você mesmo”

  1. Pingback: Que tal viver da sua arte na internet? | UniversiTag#·

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s