Entretodos: a arte em prol do ser humano

Festival de Curtas temáticos ajuda a promover o debate na área dos Direitos Humanos

Por Lucas Alonso

2fff9273-ca1c-4929-adc2-24a93d612588

Pôster do curta mais premiado nesta edição do Festival Entretodos (Foto: Divulgação/Klaxon Filmes)

O Observatório de Educação em Direitos Humanos, em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos da Prefeitura de São Paulo, disponibilizou na íntegra para todos os campus da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, desde o início de 2016, os 28 filmes selecionados e premiados pelo 8º Entretodos Festival de Curtas Metragens de Direitos Humanos. Nesta edição, o Entretodos trouxe produções oriundas de dez países: Alemanha, Argentina, Brasil, França, Irã, Iraque, Itália, Senegal, Singapura e Ucrânia, todas com temáticas que abordam questões relacionadas à dignidade humana.

O prêmio de Melhor Roteiro/Melhor Direção foi para a produção brasileira “Submarino”, com direção de Rafael Aidar. Em vinte minutos, o curta conta a história de Olavo, um senhor de 85 anos, que após a morte de seu companheiro começou a se aventurar pelo mundo virtual para lutar contra a solidão do luto. “Nós quisemos mostrar uma abordagem diferente acerca do amor na terceira idade e sobre como os mais velhos lidam com as novas tecnologias. Mais do que os prêmios, o que me deixou realmente satisfeito foram as pessoas que compartilharam suas reflexões comigo. Me senti com mais um objetivo alcançado”, comenta Aidar.

Dentre as produções internacionais, o curta iraniano “More than two hours” recebeu o prêmio de Melhor Curta-metragem Internacional, contando a história de um menino e uma menina vagando pela madrugada em busca de atendimento médico.

Clodoaldo Meneguello Cardoso, coordenador do Observatório de Educação em Direitos Humanos da UNESP destaca a importância de se conhecer a fundo as questões relacionadas aos direitos humanos. “Existe uma série de realidades distantes das nossas que podem passar totalmente despercebidas se não as observamos com atenção. Mesmo uma produção audiovisual ajuda muito a despertar a nossa percepção para temas tão urgentes da nossa sociedade”, comentou o professor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s