O caso Kesha Vs Dr. Luke

Entenda um pouco do que aconteceu e como está a situação da cantora

2210

Kesha pode gravar com outros produtores, mas Sony ainda mantém seu contrato com Dr. Luke. Foto: James Devaney / GC Images

Por Mariane Ribeiro

Em fevereiro desse ano, a cantora Kesha teve um mandato de segurança para poder gravar fora da gravadora dela – e assim longe do seu produtor, Dr. Luke – negado por uma juíza de Nova Iorque. O pedido do mandato era para que Kesha pudesse gravar músicas fora da sua gravadora, a Sony Music. Desde de 2014, a cantora enfrenta o produtor em um processo em que o culpa por violá-la “sexual, física, verbal e psicologicamente, a ponto de quase perder a vida”.

Quando o mandato foi negado, a comunidade artística se compadeceu da cantora, mandando várias mensagens de apoio à Kesha. A cantora Taylor Swift doou 250 mil dólares caso Kesha tivesse alguma dificuldade financeira, e outras artistas, como Lady Gaga, Lorde, Grimes, Lily Allen e Lena Dunham apoiaram-na publicamente.

O caso de Kesha teve repercussão mundial e mobilizou não apenas fãs da cantora, mas pessoas de todo mundo com a hastag #FreeKesha. O caso teve uma repercussão negativa para a Sony, que atualmente liberou Kesha para gravar com outros produtores desde que mantenha seu contrato com Dr. Luke. Ela está gravando com o DJ Zedd que também é produtor de ArtPop da Lady Gaga. Em seu Instagram, a cantora escreveu na última terça: “É um milagre quando alguém te dá a oportunidade de encontrar novamente sua voz. Zedd é uma pessoa bela com um coração de ouro”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s