Artistas se posicionam sobre o impeachment

A influência de celebridades na crise política brasileira

Por Mara Carvalho

O cenário político anda tenso! Os motivos: a deliberação do processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT), o afastamento do deliberador Eduardo Cunha (PMDB) da presidência da Câmara dos Deputados, e anulação do processo de impeachment, na manhã do dia 09 de maio, pelo presidente interino da Câmara, Waldir Maranhão (PP).

13087848_1018129251557163_691513580403147075_n

Dilma Rousseff: primeira presidenta do Brasil

Manifestações populares

Mais de 3 milhões de pessoas se manifestaram em todo país, aproximadamente 250 cidades participaram do ato no dia 13 de abril (domingo) e, segundo o Datafolha, na Avenida Paulista, 500 mil pessoas estiveram nas ruas em protestos. Inclusive, celebridades se posicionaram a respeito do assunto, ergueram suas bandeiras, uns contra e outros a favor a saída do governo.

Famosos utilizaram dos meios de comunicação e redes sociais para expressar suas opiniões. O professor da Unesp Maximiliano Martin Vicente, que ministra a disciplina Realidade Socioeconômica e Política Regional, diz: “é preciso ter cuidado porque muitos artistas são produtos midiáticos”.  Ele observa, ainda: “o ídolo nunca é questionado e seus discursos tem mais repercussão do que de um especialista”.

No dia 17 de abril, a Câmara dos deputados aprovou o andamento de impeachment, foram 367 votos a favor, 137 contra, 7 abstenções e 2 ausências, no total de 513 deputados. Com maioria dos deputados a favor, o processo segue ao senado para decidir sobre o mandato da presidente.

Diante da crise política, a funkeira Anita de 23 anos, criticou a mídia ao destacá-la na capa, devido o preenchimento labial que havia feito. “E a capa era eu? Como a capa não era a crise política?”, indagou em entrevista a Brasil Post.

A cantora Anita, mesmo indignada ao destaque recebido menciona sobre o cenário político “Não conheço a história da política, não me interesso, não gosto. Não estudei a vida da Dilma para saber se ela fez X, Y ou Z. Não estudei a vida do Lula. Não estudei a vida do PSDB. Se der opinião, estarei indo pela cabeça de outras pessoas, que nem sei se estudaram. Prefiro nem falar. Se for para dar opinião bunda, é melhor não dar”, declara a Brasil Post.

Embora Anita diz não se interessar pela atual conjuntura política, as influencias acontecem naturalmente diante de sua posição. Para a psicóloga Ana Paula de Toledo Afonso, “as celebridades acabam sendo o veículo vinculado às propagandas”.

13076842_1018129258223829_2824886101985911705_n

processo de impeachment da presidenta Dilma Rousseff (PT) mobiliza celebridades

No dia 09 de maio, durante a manhã, o presidente interino da Câmara, que assumiu a cadeira de Eduardo Cunha, afastado, decidiu anular a tramitação do impeachment. Entretanto, a movimentação política continua e o momento é de incertezas sobre o futuro do país. A situação é delicada e todos precisam ter muita cautela, diante da atual conjuntura política, ceder os direitos críticos ao outro pode causar alienação, assim, ferindo a democracia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s